segunda-feira, 31 de agosto de 2009

ORES...

São tantos amores
trazem cá dores
e tantos sabores,

venham os dissabores
Sinto horrores...
Calores?!?!

Quantos odores,
perfumes de flores,
o olhar dos gentis senhores.

Vejo tantas cores,
vozes de cantores.
Cadê meus leitores? hahaha

Ouvindo os tambores
Súplicas, clamores,
todos querem louvore
s

Um comentário:

Uákiti Pires - 大尉(Taichou) disse...

essa ficou extremamente legal .. parabéns pelas poesias, eu diria que os poetas estão morrendo pq a vida está se acabando mas isso é muito cliche hahhahahah

t+