terça-feira, 18 de março de 2014

O MAIS E O MENOS

Cá estou eu em momentos controversos, uma hora eu tenho muito e outra não tenho nada parece que é de propósito e acabo sendo repetitiva. E assim sigo confusa.
Essa vida faz graça da nossa cara, como diria a personagem Elise (Alabama Monroe), pois nada chega certo para mim, já que sempre há escolhas a serem feitas. Há fases em que não há homens interessados em mim, e outras que há alguns e e complicado decidir isso. Decidir quem me fará bem é que irei gostar de verdade? Só sei que nada sei, e deixo a vida "engraçadinha" me levar.

Um comentário:

Felipe Ribeiro disse...

Lindas palavras e bela reflexão. Quisera eu ser um homem que pode mexer com você.